Exames

Informações importantes

  • Prova ORAL - Inglês - 2ª fase:

A prova oral de Inglês da 2ª fase terá lugar na Escola Secundária Infanta D. Maria, no dia 8 de setembro, às 9h30. Os alunos deverão estar presentes, no mínimo, 20 minutos antes.

  • Informação sobre melhorias na 2ª fase:

Os alunos podem requerer a realização de exames finais nacionais para melhoria da classificação final da disciplina apenas para efeitos de acesso ao ensino superior, na 2.ª fase, caso tenham obtido aprovação, no presente ano letivo, em disciplinas terminais do 11.º e 12.º anos.
Mais se recorda que, segundo os normativos em vigor, estes alunos estavam impedidos de realizar as provas e exames na 1.ª fase, para efeitos de melhoria, pelo que não podem ser impedidos, conforme alínea a) do n.º 1 do artigo 2.º do Despacho Normativo n.º 14-A/2021, de 26 de maio, de realizar os exames para melhoria da classificação final da disciplina apenas para efeitos de acesso ao ensino superior na 2.ª fase

  • Informação sobre Reapreciação de Provas - clica aqui
  • A inscrição na 2ª fase dos exames realiza-se entre 2 e 6 de agosto 
  • Considerando o atual contexto de pandemia e a evolução da situação epidemiológica em Portugal:

    Deliberação n.º 691-A/2021 

    Estabelece regras quanto à utilização de exames finais nacionais do ensino secundário, realizados na 2.ª fase de exames do ano letivo 2020-2021, na candidatura ao ensino superior de 2021-2022
  • Consulta o resumo da Norma 2, (contempla os números 4., 9., 10., 11., 12., 13., 18, 19., 20., 26.23 e Capítulo III - Reapreciação das Provas e Exames da norma 2)
  • Está também disponível o guia para realização de exames por desportistas de alto rendimento.
  • Consulta as Perguntas Frequentes - Alunos Praticantes Desportivos de Alto Rendimento no site do JNE
  • Consulta atentamente toda a documentação disponibilizada abaixo.

Avaliação Externa 2020/2021 - Documentos

Informação

Inscrição para melhoria de classificação interna

(para efeitos de acesso ao ensino superior)

À luz da legislação publicada em Diário da República, disponível acima, os alunos podem-se inscrever, na 1ª fase, a TODAS as disciplinas terminais, concluídas no ano letivo 2019/2020, APENAS para acesso ao ensino superior, usem ou não o exame para candidatura aos cursos pretendidos.

Reproduz-se excerto do Despacho Normativo nº 14-A/2021, de 26 de março de 2021:

1 — Podem requerer a realização de exames finais nacionais para melhoria da classificação final da disciplina apenas para efeitos de acesso ao ensino superior:
a) Na 2.ª fase, os alunos que obtenham aprovação, no presente ano letivo, em disciplinas terminais do 11.º ano ou do 12.º ano sujeitas a exame final nacional;
b) Na 1.ª e 2.ª fases, os alunos que obtiveram aprovação, em anos letivos anteriores, em disciplinas terminais do 11.º ano ou do 12.º ano sujeitas a exame final nacional.
2 — A classificação obtida nos termos do disposto no número anterior apenas releva desde que superior à classificação final de disciplina anteriormente obtida, passando a constituir a classificação final de disciplina para efeitos de acesso ao ensino superior.

Inscrição nos exames nacionais 2020/2021

Prazos de inscrição: Consulta aqui os prazos de inscrição, CONSOANTE a situação.

A inscrição nos exames é efetuada através de uma plataforma eletrónica online, disponível em:

https://jnepiepe.dge.mec.pt/site/login

O registo deve ser efetuado pelo aluno, quando maior de idade, ou o Encarregado de Educação, quando o aluno for menor de idade.

Ao aceder pela primeira vez à plataforma, o aluno ou EE (supra explicado), deve efetuar o registo na plataforma, através do botão "Registar", preenchendo criteriosamente os campos disponíveis.

Após entrar na conta ora criada, deve ser adicionada a informação respeitante ao aluno que se irá inscrever. A título de exemplo, um Encarregado de Educação, com dois educandos menores de idade, terá que adicionar os seus dois educandos e indicar, para cada qual, os exames que irão realizar.

Consulte o Manual de Instruções de Plataforma de Inscrição nos Exames - PIEPE bem como a FAQ (perguntas frequentes) e os vídeos explicativos da inscrição na PIEPE. 

A Norma 01 disponibiliza informações sobre os exames.

O Guia Geral de Exames disponibiliza igualmente informações pertinentes.

Os alunos que necessitem de esclarecimentos sobre a PIEPE devem contactar, preferencialmente, a escola de inscrição.

 

Obter Pedido de senha e outras informações:

https://www.dges.gov.pt/pt/pagina/guia-geral-de-exames-2021

 

Pagamento de emolumentos

(taxa de inscrição em melhoria de classificação de exame de acesso, inscrição após prazo limite e inscrição de alunos autopropostos (ensino secundário e 3º ciclo)

Deve ser consultado o artº 8 do Despacho Normativo 10-A/2021 para mais informações. 

O pagamento de emolumentos deve ser efetuado presencialmente, na secretaria da Escola, SENDO NECESSÁRIO efetuar marcação:

- telefone: 239 487 170

- e-mail: secretaria@esjf.edu.pt

Após a inscrição, mantenham-se atentos ao e-mail, pois receberão avisos sobre a validação ou não validação das inscrições, devendo proceder à sua correção.

Novas informações serão adicionadas ao longo do tempo.

Estejam atentos!!!

Informação sobre Calculadoras gráficas 12º ano - Matemática - A

· A partir do ano letivo 2020-2021, nos exames finais nacionais das disciplinas de Matemática A - prova 635, Matemática B- prova 725 e MACS – prova 835, como já sucedia no exame da disciplina de Física e Química A - prova 715, os alunos deverão ser portadores de calculadoras gráficas com a funcionalidade Modo de Exame;

· Na eventualidade de determinado examinando se apresentar a exame com um modelo que não respeite os requisitos supracitados, por uma questão de equidade e de respeito pela norma, deverá proceder à limpeza da memória da calculadora, na sala onde se realiza o exame, na presença do professor coadjuvante, para poder realizar a prova;

· Para além dos modelos que integram a lista apresentada, não é excluída, portanto, a utilização de máquinas calculadoras de outras marcas ou modelos não referenciados desde que satisfaçam cumulativamente as seguintes condições:

- serem silenciosas;

- não necessitarem de alimentação exterior localizada;

- não terem cálculo simbólico (CAS);

- não terem capacidade de comunicação à distância;

- não terem fitas, rolos de papel ou outro meio de impressão;

- não serem Opensource.

Os modelos de máquinas de calcular que satisfaçam cumulativamente as condições acima enunciadas são autorizados em exame, nomeadamente modelos de máquinas não programáveis e não alfanuméricas, bem como os modelos de calculadoras científicas.

Face ao exposto, caso um aluno que se candidate à realização de exame final nacional e possua um modelo de máquina que não conste da lista exemplificativa de marcas e modelos de calculadoras gráficas, autorizados para os exames referidos, no presente ano letivo de 2020/2021, a escola deverá proceder à verificação das caraterísticas da máquina apresentada pelo aluno, caso a caso, devendo atuar do seguinte modo:

· Para as marcas e modelos que constavam da listagem em anos anteriores e não têm Modo de Exame: o aluno pode utilizá-la em contexto de avaliação externa, desde que proceda à limpeza da memória da calculadora, na sala onde se realiza o exame, na presença do professor coadjuvante;

· Para as marcas e modelos que não integravam a listagem em anos anteriores, suscetíveis de levantar dúvidas: deverá o aluno pedir, na Escola onde se inscreve, a confirmação da possibilidade de utilização da mesma no EXAME. A escola, por sua vez, deve questionar o agrupamento do JNE a que pertence.

Sempre que os alunos se apresentem a uma prova de equivalência à frequência ou a um exame final nacional com uma calculadora cujas características técnicas não se enquadrem nas condições previstas, levantando dúvidas quanto à legitimidade da sua utilização, não lhes é impedido o seu uso, devendo o aluno obrigatoriamente preencher o Modelo 04/JNE/2021, caso utilize a sua calculadora sem fazer limpeza da memória ou caso utilize uma calculadora disponibilizada.

Assim, neste caso em concreto, informamos ainda que:

· os modelos TI – 83, TI - 83 PLUS e CASIO fx-9860G não constam da lista deste ano, por não terem capacidade para  instalação da atualização que permite ter a funcionalidade Modo de Exame. No entanto, constavam na lista do ano anterior. Assim, os alunos podem utilizá-los em contexto de avaliação externa, desde que procedam à limpeza da memória da calculadora, na sala onde se realiza o exame, na presença do professor coadjuvante.

· os modelos Texas TI 82-stats e fx-9750GII  constam da lista deste ano, com a indicação “(só para MACS)”, por não terem capacidade para instalação da atualização que permite ter a funcionalidade Modo de Exame e por possuirmos informação que a maioria dos alunos de MACS adquiriram este modelo. Face ao exposto, podem ser utilizados nos exames finais nacionais das disciplinas de Física e Química A, Matemática A, Matemática B e MACS devendo, o examinando proceder à limpeza da memória da calculadora na sala onde se realiza o exame, na presença do professor coadjuvante.

A Escola Secundária José Falcão

Um dos primeiros três Liceus criados em Portugal, a Escola continua a ser uma referência, não só de Coimbra mas também do País.

Contacte-nos

Av. Dom Afonso Henriques 126, 3000-011 Coimbra

Telefone: +351 239 487 170
Secretaria: secretaria@esjf.edu.pt
Direção: direcao@esjf.edu.pt
http://www.esjf.edu.pt

 

ESJF

Oferta Educativa

Ensino Básico - 3º ciclo

Ensino Secundário:

- Artes Visuais
- Ciências e Tecnologias
- Ciências Socioeconómicas
- Línguas e Humanidades

Cursos Profissionais:

- Técnico de Turismo Ambiental e Rural
- Técnico de Multimédia
- Técnico de Secretariado
- Técnico Auxiliar de Saúde

Search